14 de julho de 2010

Quebrando Tudo (Kick-Ass): Comentários


Salve povo!

Hoje vou continuar quebrando minha sequência de postagens de "Magia e Fantástico: O Despertar" para tecer comentários sobre o filme Quebrando Tudo (Kick-Ass).

O filme Kick Ass - me perdôem por usar o nome original, pois eu não gostei do nome oficial para a versão brasileira - não me foi um filme que chegou de maneira desconhecida. Pelo contrário! Sua estréia foi amplamente acompanhada por Home Pages voltadas à Cultura Pop. Porém, assistir aos filme foi para mim deverás surpreendente.

Logo no começo do filme, o protagonista Dave Lizewski (Aaron Johnson), um adolescente comum e fã de revistas em quadrinhos, questiona seus amigos do porquê que niguém havia tido a idéia de se vestir comum um super herói e lutar contra o crime.

Tá! Eu sei que a resposta é óbvia! Mas procurem refletir sobre esse questionamento. Me digam qual de vocês nunca se imaginou com super poderes ou super habilidades, seja para lutar pelo bem ou para realizar feitos incríveis.

Pensaram?! Pois bem! Agora reflitam novamente com o seguinte pensamento: jogar RPG não seria também agir como um super herói ou realizar grandes feitos?

É verdade... isso pelo menos é no faz de conta, ou melhor dizendo, na nossa brincadeira de imaginação, ganhando força através de dados, fichas de personagem e pura interpretação.

Com essas reflexões, eu me senti agraciado ao assistir a esse filme, onde Kick-Ass, alter ego do protagonista Dave Lizewski, decide realizar seu sonho de se tornar um super herói e lutar contra os bandidos.

Naturalmente, não demorou muito para ele ver que as coisas não são tão simples assim. Mas em contra partida, o enredo do filme nos presenteia com situações inusitadas que, além de alimentar o sonho do jovem rapaz, nos presenteia com momentos divertidos, engraçados e emocionantes.

Em um contexto geral, considerei o filme uma bela homenagem aos fãs de super heróis e histórias em quadrinhos. Em um contexto mais específico, é uma oportundiade prazerosa de nos reconhecermos através das atitudes do protagonista e assim como refletir como é muito bom interpretar um aventureiro lutando ao lado de seu grupo em uma grande aventura.

Portanto, recomendo que vocês, principalmente aos RPGistas e aqueles que nutrem o prazer de brincar com a imaginação, assitam ao filme Quebrando Tudo (Kick-Ass).

2 comentários:

Daniel Coimbra disse...

Grande filme, mostrando super-heróis sem super-poderes (ainda na dúvida se ainda é assim que se escreve, eheh).
Nicolas Cage como Batimão arrasa!!!
Valeu para me inspirar em narrar M&M.

: )

Gilson disse...

Devo ir ao cinema ver este, além d'O Último Dobrador de Ar.

Gilson

Postar um comentário