6 de janeiro de 2010

Perfil do RPGista: Estatísticas 2009 - Parte I


Salve povo! O novo ano já começou e nesse início é natural fazermos umas retrospectivas sobre os eventos dos quais participamos ou tivemos a oportunidade de tomar conhecimento. Pensando nisso, pensei em coletar todas as respostas fornecidas em todas as entrevistas do Perfil do RPGista e montar uma estatística cujo resultados foram bem interessantes.

O número total de entrevistados, durante o período de junho a dezembro, foi de 23 RPGistas, sendo dentre esses apenas 2 mulheres e apenas 1 declarou não possuir apelido.

A faixa etária mais predominante dos entrevistados ficou entre aqueles de 26 a 3o anos com 39% seguido pelos de 31 a 35 anos com 35%, perfazendo um total de 74%. Esse resultado me leva a duas possibilidades: que houve pouca participação das novas gerações nas entrevistas do blog ou o surgimento das novas geração tem sido inferior às gerações anteriores. Mas são apenas pensamentos nada conclusivos, considerando que a maioria dos entrevistados foi escolhida graças a uma lista de contatos deste que vos escreve. Infelizmente a participação voluntária de entrevistados não passou de dois.
Quanto às cidades de origem, 70% são nascidos em Belém e 5% em Ananindeua, totalizando 75% nascidos no Estado do Pará. Os outros 25% se divide entre outros municípios de outros estados. Quanto à cidade residente esse quadro se concentra em Belém com 83%.
Quanto a formação educacional, 44% possui o ensino superior completo, seguido por 26% que está cursando um curso superior. Se somarmos essas porcentagens aos que possuem Mestrado e os que estão cursando um Mestrado ou Doutorado, teremos um total de 87% de RPGistas entrevistados que possuem um nível de formação e conhecimento considerável.
Quanto ao tempo em que conhecem o RPG, cerca de 44% já conhecem entre 16 a 20 anos, seguidos pelo grupo que conhece entre 11 a 15 anos com 35%. Ou seja, a maioria das entrevistas foi com veterenos do cenário Paraense.

Perguntados sobre como conheceram o RPG, 57% respondeu que foi com os amigos, indicando a famosa propaganda boca a boca como principal fonte de disseminaçãor do RPG na região.

Na próxima parte vou apresentar os outros resultados da estatística, com informações sobre as preferências dos entrevistados.

4 comentários:

Gilson disse...

Muito interessante!

A menor idade foi de 16 anos?

Gilson

Rodrigo "Ragabash" disse...

Na realidade não. A menor idade de entrevistados se enquadrou na faixa etária de 16 a 20 anos, definida para esta análise em questão.

Danielfo disse...

Pelas estatísticas vemos que o boom do RPG foi mesmo nos anos 90.

Michael Wevanne disse...

eu pessoalmente achei de pouca relevancia (e por favor reparem que eu escrevi POUCA e NAO NENHUMA!) pelo fato de a pesquisa se limitar apenas aos que responderam ao perfil... mas isso o ragabash mesmo comentou.

nao dah para afirmar nada, apesar de ilustar apenas uma estatistica especifica do blog.

Postar um comentário